Dicas para lidar com a desatenção


A falta de atenção ou dificuldade de concentração é uma das queixas mais comuns das pessoas com TDAH. De fato, a desatenção que acontece de forma excessiva, frequente e persistente é um dos sintomas fundamentais desse transtorno. Mas como os pais e os profissionais da saúde e da educação, que lidam rotineiramente com esses indivíduos, podem ajudar?

Segundo Barkley (1998), um importante pesquisador do tema, as estratégias utilizadas com melhores resultados incluem controle de estímulo, “quebra” das tarefas em pequenas partes, de forma a torná-las compatíveis com os períodos que o indivíduo com TDAH consegue manter a concentração e o estabelecimento de tarefas a serem realizadas em intervalos curtos de tempo.

v_adhd

Além disso, selecionamos algumas outras dicas para lidar melhor com a desatenção:

1. Lembre-se: quanto mais próximo de você e mais distante de estímulos distratores, maior benefício ele poderá alcançar.

2. Estabeleça contato visual sempre que possível, isto possibilitará uma maior sustentação da atenção. Também é importante oferecer constantemente feedback visual (ex. um olhar, um gesto de positivo), sensorial (ex. um toque) e auditivo (reforço positivo).

3. A repetição é um forte aliado na busca pelo melhor desempenho, especialmente no caso do TDAH rotinas são fundamentais para a organização e concentração.

4. Estimule o desenvolvimento de técnicas que auxiliem a memorização. Use listas, rimas, músicas, etc. Avisos, lembretes, agenda, espelhos.

5. Aproveite os interesses da criança, criando situações cotidianas que a motivem.

6. Determine intervalos entre as tarefas como forma de recompensa pelo esforço feito. Esta medida poderá aumentar o tempo da atenção concentrada.

Não deixe de ler

1 Comentário

  1. David Alan disse:

    Perfeito! Muito bom essas dicas, principalmente “contato visual e feedback visual” são excelentes meios de auxiliar no TDAH!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *